ERVAS AFRODISÍACAS?
Tudo sobre ervas afrodisíacas: as especiarias afrodisíacas.

Alimentos Afrodisíacos

Chás AfrodisíacosO termo afrodisíaco data ao menos 5.000 anos. Segundo o Dicionário dos Afrodisíacos de H. E. Wedeck, o termo afrodisíaco deriva do mito de Afrodite, a deusa grega do amor, a mesma teria saído do mar dentro de uma concha de ostra. Os alimentos afrodisíacos, não são certamente uma invenção moderna. A sua origem remonta a antiguidade, da cultura egípcia, grega e romana. Os chamados afrodisíacos seguros, como as bananas, os espargos e as cenouras, cuja forma é semelhante ao órgão sexual, são consumidos por alguns para melhorar o desejo sexual.

Outros consomem partes de animais aclamados como potentes afrodisíacos. A consumação de tais partes de animais pode resultar desagradável para algumas pessoas, enquanto outras em vez, desejam provar alguns particulares ingredientes
afrodisíacos propício a melhorar o prazer sexual.

Ervas Afrodisíacas

  • Cravo
    É um dos mais potentes afrodisíacos naturais. Além disso, é muito eficaz para combater o cansaço mental, como também a perda de memória.
     
  • Coentro
    As suas sementes secas tem efeitos eufóricos, especialmente nas mulheres. É utilizado em infusões com vinho. Todavia se recomenda aos homens para não abusarem desta substância, pois neles, pode causar efeitos opostos.
     
  • Jasmim
    Essa deliciosa flor é cultivada no mundo inteiro, mas é principalmente o jasmim espanhol a ser utilizado para aromatizar licores. Atenção: as sementes de jasmim são venenosas.
     
  • Ginger
    É utilizado em bebidas destinadas a despertar a sensibilidade. Ingerido com moderação, causa ímpeto salutar; em dose excessiva, irrita o intestino.
     
  • Almíscar
    Se trata de uma substância escura de odor muito ativo, extraida de uma glândula sito sob a pele do abdome dos cervos jovens que vivem no sudeste asiático. A respeito das suas origens não certamente apetitosas, é considerada uma panacéia para tratar epilepsia, coqueluche, febre tifóide e pulmonite. Além disso, é apreciada pelas suas virtudes afrodisíacas. É reduzido em pó e parcimoniosamente espalhado sobre a comida (causa vertigens se usado em excesso).
     
  • Noz-moscada
    Não particularmente eficaz para as mulheres, mas para os homens tem a reputação de ser a melhor aliada. Provém da ilha de Banda, na Indonésia.
     
  • Orégano
    Em infusão é um bom agente excitante.
     
  • Pimenta de Cayenna
    Contém uma grande quantidade de vitamina C. É também um agente excitante que estimula a circulação. O pequeno chili vermelho ou verde mexicano, possui as mesmas qualidades.
     
  • Rábano
    Sua polpa tem propriedade afrodisíaca.
     
  • Aipo
    O aipo contém as vitaminas A, B, C, P e minerais. É excelente para os músculos e ajuda a liquefação do sangue; também serve para reduzir o nível de colesterol e ajuda a manter as artérias limpas. Os antigos Romanos dedicavam o aipo ao deus Plutão, deus do sexo e do inferno.
     
  • Mostarda
    Estimula a ação das glândulas sexuais. Existem três qualidades de mostarda: preta, branca e amarela, proveniente da Índia. A mostarda conheceu um notável sucesso na Idade Média.
     
  • Tomilho
    Erva que fornece óleo de poder anti-séptico. Da mesma erva igualmente se obtêm um tônico nervoso com efeitos afrodisíacos. É ainda um bom purificador para o corpo.
     
  • Baunilha
    Possui efeitos eufóricos e pode ser consumida a vontade. Combate a astenia sexual, agindo no sistema nervoso central e, por meio do seu odor, age indiretamente como estimulante sexual.
     
  • Açafrão
    Possui propriedades estimulantes das zonas eróticas. Os estudos têm provado que ha efeitos similares aqueles dos hormônios. Atenção ao seu consumo: doses excessivas provocam risadas incontroláveis.

ACESSE NOSSA LOJA VIRTUAL: WWW.CHAECIA.COM.BR

Copyright © 2010 Chá Afrodisíacos - Todos os Direitos Reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita dos desenvolvedores do deste site.

ervas afrodisiacas